RICARDO LAVANDEIRA PARA A SELEÇÃO NACIONAL

Escrito por tubertini el . Posteado en Noticias Tubertini

O nosso amigo Ricardo Lavandeira, enviou-nos o relatório das ditas mãos em Sesimbra.

Muito obrigado y parabéns Ricardo pelo apuramento para a Seleção Nacional.

Ricardo Lavandeira

                 Ricardo Lavandeira

 

“ Chegado então a 3ª e 4ª mão da 1ª divisão nacional, a minha motivação era enorme embora tenha ficado ao fim das duas primeiras mãos em 14º lugar da geral os pontos que me afastavam dos lugares cimeiros não eram muitos, somente 12 pontos ao 2º lugar. Sabia que iria ser bastante difícil mas estava preparado.

No primeiro dia fomos pescar mais ao largo das restantes embarcações, fundos dos 25 aos 35 metros, começam a sair os primeiros peixes sendo que na maior parte são peixes de 1 ponto, optei por usar pescas mais curtas dado os peixes existentes. Em todas as posições fui arrancando uns peixes do fundo, hora lançando hora pescando mais encostado ao barco tentando fazer uns peixes de 3 pontos. Na ultima hora vou para a popa do barco onde faço a diferença apanhando mais uns peixes que os restantes elementos do barco  fazendo 1º lugar do barco.

A contagem final:

  • 69 peixes de 1 ponto
  • 18 peixes de 3 pontos

Total 123 pontos

No segundo dia, já bem mais cansado, mas com a motivação em alta já que tinha subido 6 lugares na classificação geral, passando para 4º lugar, mas no meu barco o sorteio ditou que os 4 primeiros iam juntos, o que antevia que nós os 4 não conseguiriam se manter todos na frente. Depois de no fim do dia anterior ter preparado tudo para que as coisas corressem pelo melhor, não deveria ter receio do que aquele dia me ia reservar. A minha embarcação, dirige-se ao pesqueiro e para meu espanto vai para uma área de pesca diferente do que estava a pensar, em que os fundos rondavam os 50 metros, logo aí tive que alterar o que tinha planeado, começam a sair os primeiros peixes e tal como no dia antes peixes de 1 ponto, e em grande parte andorinhas do mar, também aqui ajudou eu ter arrancado com a melhor pesca, optei por uma pesca um pouco mais comprida. Arranco muito bem, tiro uns quantos peixes de 1 pontos e 4 peixes de 3 pontos, e durante toda a prova fui tirando uns peixes, comparativamente aos meus adversários sentia que deveria estar numa posição cimeira, talvez até em 1º lugar da embarcação, portanto fui apostando em tirar primeiro uns peixes junto ao barco e somente depois indo à procura de peixe mais longe. Vou para a ultima hora e o barco roda um pouco, tento tirar uns peixes junto ao barco mas nada, começo a lançar e fico preso na rocha, perco a primeira pesca, tento lançar para vários sítios umas vezes com mais peso outras com menos mas fico sempre preso ao fundo, havia qualquer coisa no fundo que me fazia perder as pescas, com tanta pressão e a ver os restantes atletas a apanhar peixe e eu não o conseguindo fazer, começo a entrar em desespero!

Cheguei a um ponto que tive que parar, respirar fundo, mudei a pesca e volto a pescar, começo a pescar mais na lateral do barco onde apanho uns peixes de 1 ponto e um peixe de 4 pontos, ainda perco mais uma pesca e uns anzois mas consigo apanhar meia dúzia de peixes.

Quando vamos para a contagem o meu receio de estar mal no barco era muito, vejo a contagem de todos já que eu era o ultimo, e praticamente todos tinham mais peixe de 1 ponto que eu, mas também sabia que eu tinha mais peixe de 3 pontos que a maior parte dos atletas.

Contagem:

  • 58 peixes de 1 ponto
  • 1 peixe de 2 pontos
  • 11 peixes de 3 pontos
  • 2 peixes de 4 pontos

Total 101 pontos

Estes pontos fico empatado com o que estava em 3º lugar do barco mas como tenho menos peixe passo eu para 3º e ele para 4º lugar do barco. Logo aí começo a fazer contas, o lugar de campeão há muito que estava atribuído, agora vamos ver quem mantem e quem vai à seleção, embora que dois dos que estavam à minha frente tinham saído dessa contagem já que tinha feito 5º e ultimo lugar no barco.

Quando chego a terra vou perguntando  aos atletas o que tinham feito e dou por mim a fazer contas antes delas saírem, na altura eu fazia o 5º lugar da geral tendo um lugar garantido na seleção de 2015 na Irlanda. Depois das contas feitas pela Federação, ficou provado o que tinha antes feito, o 5º lugar era meu!!!

Este era um dos meus grandes objetivos para este ano, senão o principal, e foi conseguido, agora temos ainda o campeonato de clubes a 13 de Julho, a última eliminatória antes da final e temos depois o Campeonato do Mundo de clubes em Setúbal no mês de Outubro.

Tenho a agradecer a todos os que me ajudaram, a minha família, a minha equipa e em especial a Tubertini Ibérica, o meu obrigada.

Material usado nestes dois dias:

  • Cana Tubertini F1 505
  • Fio Tubertini tatanka evo silver – 0,25 e 0,28mm
  • Fio Tubertini Fantasm – 0,23 e 0,205mm
  • Anzois Tubertini serie – 2, 19, 7 e 10.

 

tubertini

This information box about the author only appears if the author has biographical information. Otherwise there is not author box shown. Follow YOOtheme on Twitter or read the blog.